Dicas de Como Vender Bem no Mercado Livre

NOTÍCIAS, NOVIDADES E DICAS DE TECNOLOGIA PARA AJUDAR NO SEU DIA A DIA

Mercado

02 Junho, 2017

Quando o assunto são vendas online muitas pessoas ainda tem essa dúvida cruel: vender pelo Mercado Livre, abrir minha própria loja virtual, ou conciliar os dois? O fato é que apesar de ser uma das plataformas mais antigas de vendas online, onde muita gente provavelmente efetuou a sua primeira compra pela internet lá no início dos anos 2000, ainda existe muito preconceito na hora de vender pelo ML, e muito dele vem da falta de informação.

E para acabar com isso, já te adiantamos: o Mercado Livre é o site que possui mais tráfego no Brasil, ou seja, é o maior site de vendas do país. Ainda ficou na dúvida? OK, Nós vamos te explicar como você pode impulsionar as suas vendas e o seu faturamento muito mais rápido do que você pensa, mas, antes disso, vamos contar um pouco da trajetória do maior sites de vendas do Brasil.

História do Mercado Livre

O Mercado Livre é uma plataforma online que oferece soluções para comércio eletrônico, ou seja, colabora tanto para a venda, quanto para a compra dos usuários interessados. Operando em 14 países e possuindo mais de 1,5 mil funcionários no mundo, ele possui mais de 100 milhões de cadastros.

Sua história começou em 1999, quando Marcos Galperin, um dos fundadores e CEO da empresa, terminava seu MBA em Stanford e escreveu em função disso o plano de negócios do Mercado Livre, vendo logo uma oportunidade para colocá-lo em prática, e em Agosto do mesmo ano, as operações do site foram iniciadas na Argentina, chegando no Brasil logo depois, em Outubro de 1999. O último país a entrar para o ML foi Portugal, em 2010.

Como Funciona

O Mercado Livre é um Market Place virtual, ou seja, um “local” onde se faz comércio de bens e serviços, juntando diferentes marcas e produtos. O ML é como se fosse um gigante shopping, onde existem milhares de ofertas para todos os tipos de produto, e a empresa atua como um intermediador entre o comprador e o vendedor, cobrando uma taxa de utilização em cima do produto vendido, que pode variar de acordo com o segmento do produto, o valor do mesmo, ou até a quantidade já vendida. O ML utiliza da plataforma Mercado Pago para realizar as transações financeiras entre os negociantes, esta que também faz parte da cartela de produtos do grupo.

É muito raro que existam problemas nas transações entre comprador e vendedor, mas é importante lembrar que existem pessoas mal intencionadas no ML assim como em qualquer tipo de negócio, e é importante estar atento não só ao preço do produto ao realizar uma compra ou até uma venda, mas sim na reputação do vendedor ou comprador, e para isto o Mercado Livre disponibiliza de um sistema de pontuação para seus usuários, onde você pode ler até os comentários de pessoas que já fizeram negócios com um usuário em específico.

Por que vender no Mercado Livre?

Separamos 5 motivos pelos quais você deve começar já a utilizar a plataforma de vendas:

  1. O ML é um enorme shopping que já possui aquilo que todo vendedor quer: CLIENTES! Ele já é considerado o maior site de vendas do Brasil, e se alguém está navegando por ele, as chances de estar em busca de algo que realmente quer comprar são grandes.
    Aí vai um exemplo: em Junho de 2015, o total de tráfego no varejo online foi de cerca de 586 milhões de acessos, dos quais 128 milhões foram apenas dentro do Mercado Livre.
  2. É simplesmente a fonte perfeita para fazer uma boa análise de concorrência, uma vez que você consegue comparar preços, estratégias de venda, fotos, qualidade e até os comentários dos clientes, suas necessidades e o que eles mais gostaram nos seus concorrentes.
  3. É simples de se cadastrar, simples de comprar e simples de vender, e o melhor, ele mesmo já disponibiliza uma plataforma com formas de pagamento, ou seja, você não precisa se preocupar com isto.
  4. Ótima fonte para se aprender sobre o comportamento dos seus consumidores, quais são as dúvidas que eles possuem relacionadas aos produtos do seu segmento, o que eles mais elogiaram ou criticaram ao comprar de seus concorrentes.
     

Mercado Livre ou Loja Virtual?

Se a sua dúvida é sobre vender no ML ou criar a sua loja virtual, não existe resposta concreta para isto, mas existem alguns fatores que podemos considerar em relação a esta questão. O primeiro deles é que se você está começando do zero, recomendamos que não comece com os dois ao mesmo tempo. Escolha um deles e foque nele até você dominar a dinâmica, e depois aplique os conhecimentos no outro.

Porém, a dinâmica de venda no ML e numa loja virtual é diferente, mas se você está começando e nunca vendeu online, o ML é uma ótima ferramenta de aprendizado, tanto em relação à análise de concorrência quanto à análise de comportamento do consumidor, competitividade de preços, etc. Porém, tanto quanto uma loja virtual, se você quer se tornar um grande vendedor na plataforma, é necessária muita dedicação, principalmente, pois um dos principais fatores que um comprador leva em consideração é a pontuação do vendedor, muitas vezes mais do que o preço do produto.

Vale lembrar que os anúncios do Facebook podem ser direcionados a produtos do Mercado Livre, aliás, as duas ferramentas aliadas podem ser poderosíssimas se usadas corretamente.
 

Mercado Livre + Loja Virtual: quando devo integrar os dois?

Se você possui uma empresa, uma marca, algo já construído e trabalhado, com estratégias de Marketing, identidade visual e branding definidos, é muito importante que você faça o máximo para que os dois sejam aliados, isto porque, apesar de você possivelmente alcançar resultados incríveis vendendo no ML, quando alguém efetua a compra por lá, o usuário não está comprando da sua marca, mas sim do Mercado Livre, ou seja, a questão de criar um relacionamento com o cliente pode ser um pouco mais difícil através do ML, já que você está efetuando a venda num terreno alheio, praticamente de forma terceirizada.

Uma solução para este problema é criar estratégias para trazer o comprador do produto pelo ML para a sua loja por e-mail, Whatsapp ou até mensagem dentro da plataforma, informações das quais você possui acesso quando o negócio é fechado.

Por exemplo, se você possui uma loja virtual de acessórios para celular e fez uma venda de uma capinha de celular, nada impede que você mande uma mensagem para o seu comprador com o link para a sua loja e oferecendo outras soluções em acessórios para celular. Você pode inclusive oferecer um cupom de desconto para ele na sua loja virtual.

DICA: Foco na Reputação

O ML é um canal de vendas maravilhoso, porém, no começo pode ser que as vendas demorem um pouco para alavancar e isto pode estar relacionado com o baixo ou zero número de avaliações na sua reputação.

Uma dica de ouro é sempre escolher um produto estrela, ou seja, aquele que você considera que possui o maior valor agregado e procura, e aliado a isso, algo que você possua uma boa margem de lucro. Isto porque no começo o seu foco vai ser realizar negócios e não faturar em cima disso, então a dica é vender seu produto por um preço mais baixo até que você consiga uma boa reputação, e ir ajustando devagar conforme os elogios e as boas avaliações vão surgindo.

Lembre-se sempre que muitas vezes a sua reputação vale mais do que o preço na hora de um comprador escolher o seu produto, portanto, trabalhe sempre para ter boas avaliações, e boas vendas!

 

*Precisando de ajuda para vender no Mercado Livre ou na criação da sua loja virtual? Entre em contato conosco e faça um orçamento.

Coloque aqui os seus dados e da sua empresa:

Fale um pouco do seu projeto:

  • SEO / Mercado
    22 Fevereiro, 2016

    Os links e anúncios pagos são uma ferramenta eficiente para quem quer aparecer na internet. Entenda o que são e como tirar proveito do AdWords para o seu negócio.

    Ver mais
  • Mercado
    22 Fevereiro, 2016

    Estar presente nas redes sociais é super importante. Saiba quais os principais erros cometidos por empresas e o porque você deve fugir deles.

    Ver mais
  • E-Commerce / Mercado
    25 Outubro, 2016

    Aproveite e Black Friday para impulsionar suas vendas. Uma boa estratégia de marketing digital é sua maior aliada. Veja algumas dicas!

    Ver mais
  • Mercado / Novidades
    22 Fevereiro, 2016

    O Flash já foi moda e muito usado nos sites internet afora. Embora ele tenha hoje perdido espaço para outros tipos de tecnologias como HTML5, por exemplo, ainda há uma série de empresas que ainda usam esse modelo. Já comentamos aqui um dos problemas dos sites em Flash que é o fato de não abrirem em...

    Ver mais
  • Mercado
    27 Abril, 2017

    O Google hoje é provavelmente a ferramenta de Marketing mais poderosa que existe. Seja qual estratégia você escolha usar, links patrocinados ou otimização para busca orgânica, ou os dois, o fato é que um mercado cada vez mais digital demanda novos estudos em relação a um novo consumidor. A Nova...

    Ver mais
  • Mercado
    16 Março, 2017

    Seja no mercado online ou offline, na indústria alimentícia, farmacêutica, digital, no varejo, no atacado, nos produtos ou serviços... uma coisa que absolutamente todos os tipos de empresas do mundo e de qualquer setor tem em comum são: a necessidade de entender e atender aos seus consumidores. E...

    Ver mais

Vamos tornar seu projeto realidade!

Nós da GW2D Agência Digital primamos pela criação de sites inovadores e estratégias digitais que ajudam a sua empresa a se destacar na multidão. Buscamos sempre oferecer soluções sob medida para suas necessidades. O sucesso do seu negócio é o nosso sucesso. Entre em contato, vamos conversar sobre o seu projeto.

Fale com um consultor